DNA ambiental posiciona a Ingleza na vanguarda da indústria nacional

Produto de Limpeza

Inovando há 54 anos, desde sua fundação em 1960. A marca está entre as principais empresas de produtos de limpeza no Brasil, ocupando a liderança do segmento de ceras para pisos há 17 anos consecutivos, com mais de 30% do mercado nacional, segundo dados da Kantar Latin Panel. Hoje, também é líder nacional em limpadores para banheiro; vice-líder em multiuso e limpa vidros e ocupa o 3º lugar em concentrados de limpeza e limpador perfumado. A empresa fabrica anualmente mais 130 milhões de produtos acabados, divididos em limpeza doméstica e automotiva e produtos de uso profissional. Com tanto pioneirismo e investindo constantemente em tecnologia e inovação, a Ingleza é também um exemplo de dedicação na área ambiental, preocupação que faz parte do DNA da marca. É, por exemplo, uma das poucas empresas na região de Santa Luzia (MG), onde está instalada sua planta industrial, que dispõe de estações de tratamento de efluentes industriais e sanitários, incluindo complexos distintos, com métodos e tecnologias que possibilitam o correto tratamento de todos os resíduos líquidos gerados pelo empreendimento. Outra iniciativa própria é o reaproveitamento de aparas de plásticos geradas na fabricação de embalagens, que são beneficiadas e reutilizadas como matéria-prima para a fabricação de novos frascos. A Ingleza chega a reciclar, aproximadamente, 15 mil quilos de plástico por mês em seu processo produtivo. Segundo Denise Novaes, diretora comercial e de marketing da Ingleza, estes são exemplos de ações que a empresa realiza por iniciativa própria, sempre com foco no menor impacto possível ao meio ambiente, contribuindo para preservar a qualidade de vida e garantir a saúde das futuras gerações. Selo internacional Desde 2008, os produtos da Ingleza são certificados pelo selo do Instituto Falcão Bauer, que se baseia em sistemas internacionais de rotulagem ambiental, com foco na garantia do desempenho sustentável de produtos de mínimo impacto ao meio ambiente. O selo certifica os produtos, mas a sistemática de certificação do instituto também contempla os requisitos das normas ISO 9001 e ISO 14001. Com isso, todos os processos do sistema de gestão da qualidade e sistema de gestão ambiental da Ingleza são auditados, além das avaliações específicas de cada produto. O selo está presente hoje em 90% dos produtos da marca. Após quatro anos de intensas pesquisas, seleção criteriosa de insumos diferenciados, fornecedores qualificados, formulações e embalagens inovadoras, além de matérias primas biodegradáveis e ativos de fontes renováveis, a Ingleza complementou seu mix de produtos em 2010 com uma linha genuinamente verde, a Amo Verde Ingleza. Composta por seis itens, inclui: desinfetante, lustra-móveis, limpa vidros, limpador perfumado, desengordurante e multiuso. Para a criação dos produtos de forma sustentável, a Ingleza desenvolveu um programa pioneiro de reciclagem de embalagens. O processo consome 900 toneladas de material plástico por ano, recolhidos da planta industrial e reutilizados. “Tudo foi pensado cuidadosamente para que o produto causasse o menor impacto possível no meio ambiente, com a máxima eficiência na utilização. Hoje em dia, ganha quem une produto verde com eficácia dos resultados”, destaca Denise Novaes. Conheça outros importantes investimentos da Ingleza na área ambiental: A água recuperada nos processos de tratamento não é reintegrada ao processo produtivo, mas é reutilizada no próprio parque industrial, para irrigação e limpezas internas. O volume anual reaproveitado é de 29 milhões de litros de água (dados de 2013). A Ingleza não procede nenhuma espécie de descarte em corpos receptores (rios, lagos, córregos etc), mesmo que de água tratada. A reciclagem de papel e papelão alcança o volume de 100 mil quilos por ano (dados de 2013), sendo que o processamento do material é feito por empresa licenciada. Anualmente, a reciclagem de plástico chega a 45 mil quilos anuais (dados de 2013), com o processamento do material feito também por empresa licenciada. O cálculo das emissões de carbono é realizado pela própria Ingleza, por meio de metodologias empregadas por organizações não governamentais (para as atividades fabris). A neutralização é realizada por meio do plantio de espécies nativas na reserva particular mantida pela Ingleza em seu parque fabril e de doações de mudas de espécies nativas para o município de Santa Luzia (MG), por intermédio de ONGS. Já foram doadas mais de 5.000 mudas de espécies nativas para a comunidade local. Desde o início de 2014, a Ingleza realiza um projeto de educação ambiental na comunidade. Já foram distribuídas mais de 2.500 cartilhas sobre educação ambiental para os alunos de escolas da rede pública e particular no município de Santa Luzia. O projeto prossegue com realização semestral. A Ingleza conta com uma reserva particular de aproximadamente 200 mil metros quadrados em seu parque fabril, que recebe anualmente o incremento de espécies vegetais nativas. Dentre a flora presente podemos destacar a presença de jacarandá, candeia, tambu, ipê-amarelo, canjerana, bico-de-pato, unha-de-vaca, jatobá, braúna, sucupira, canela-branca, maçaranduba jequitibá quaresmeira ingá goiabeira. Da fauna estão presentes espécies de pássaros como tico-tico, guaxo, bem-te-vi, sabiá do campo, pássaro-preto, joão-de-barro, coruja-buraqueira, tesourinha e tiziu. Além de pequenos animais como coelho-do-mato, gambá, mico-estrela, roedores silvestres e calangos. Sobre a Ingleza Com parque fabril localizado em Santa Luzia (MG), a Ingleza é uma empresa 100% nacional, com 54 anos de mercado, fabricante de produtos de limpeza doméstica, automotiva e profissional. A filosofia de trabalho é pautada pela transparência, ética, cidadania e responsabilidade sócio-ambiental. Confira mais sobre a Ingleza no site www.ingleza.com.br ou no Facebook www.facebook.com.br/uauingleza. Informações para a imprensa: Ampla Comunicação Jornalistas responsáveis: Liège Camargos e Marianna Moreira (31) 3225-1116 / 3221-9241 / 8788-0043 imprensa@amplacomunicacao.com.br Maio/2014